sexta-feira, 20 de novembro de 2009

ALGUMAS LIÇÕES DO SALMO 9

Leia o Salmo 9 algumas vezes, e procure discernir lições para a sua vida. A Palavra de Deus é rica em instruções para a vida.
Outro dia, atentei para o versículo 10 desse Salmo, que utilizei em uma breve mensagem numa reunião de oração. Pouco antes, porém, comecei a ler o Salmo inteiro, e percebi que havia muitas coisas mais que poderiam ser observadas e transmitidas, para fins de edificação espiritual.
A leitura do Salmo 9 me levou a ver que ele apresenta algumas atitudes que devem se constituir em marcas na vida de um servo de Deus, um cristão que deseja ter uma vida plena na presença de Deus.
O Salmo foi escrito por Davi, que, segundo a Bíblia, era um homem segundo o coração de Deus. Interessante que Davi era um homem cheio de defeitos, cometeu muitos pecados, alguns bem graves, mas tinha humildade para se pôr diante de Deus com o coração arrependido e pedir perdão, reconhecendo seus erros e clamando misericórdia. A vida de Davi revela que ele era um servo fiel a Deus, e do Salmo que ele escreveu, inspirado pelo Espírito Santo, podemos extrair, dentre outras, as seguintes lições:


MARCAS NA VIDA DE UM SERVO FIEL A DEUS

1) Louva a Deus por Suas obras (v. 1)
O servo fiel a Deus está sempre louvando a Deus por tudo quanto Ele fez, faz e fará. Louvor muitas vezes é confundido com música, mas louvar significa enaltecer alguém, engrandecer suas qualidades, elogiar. Paulo, em 2 Coríntios, afirma que o homem não deve louvar a si mesmo, ou seja, não deve se engrandecer. Em Provérbios 27:2, é dito "seja outro o que te louve, e não a tua boca; o estrangeiro, e não os teus lábios", também no sentido de que ninguém deve se enaltecer, ficar se autoelogiando.
Então, louvar a Deus é enaltecer o nome de Deus, proclamar que Ele é Senhor, soberano, grandioso, maravilhoso, e testemunhar de Sua obras. É claro que uma das formas de louvar a Deus é através da música. Por isto, nos cultos sempre há um momento de louvor com cânticos, pois nessas canções o nome de Deus é exaltado. Louvamos a Deus falando, escrevendo, pensando, vivendo com coração grato. Render ações de graças a Deus é louvá-lo, pois implica em reconhecer que tudo o que temos e somos vem dEle, que Ele é a fonte de tudo. Contar as obras de Deus em nossas vidas diante das pessoas é louvar a Deus.

2) Sua alegria está em Deus (v. 2)
O cristão deve ser alegre. Davi, nesse Salmo, diz que se alegra no Senhor, e nEle exulta. Exultar é experimentar uma alegria muito grande, um enorme regozijo. A alegria que vem de Deus é eterna, inabalável. A alegria que o mundo oferece é passageira, não tem raiz. Muitas pessoas estão buscando a alegria transitória, através do álcool, do adultério, da vida sexual desregrada, das festas regadas a sensualidade, lascívia, bebidas e drogas, da vida sem regras, do mal feito, etc. Esse tipo de alegria deve representar, aos que servem a Deus, verdadeira tristeza, nunca podendo atraí-los. Somente em Deus está a verdadeira alegria.
"O coração alegre é bom remédio, mas o espírito abatido faz secar os ossos" (Pv 17:22)
O cristão deve ter uma expressão alegre no rosto, porque ele recebeu de Deus o maior tesouro que existe no universo: a salvação, através de Jesus Cristo. Nada se compara a isso. Os problemas da vida não podem impedir essa alegria. É claro que ninguém vai rir diante de situações complicadas, tristes, como a perda de um ente querido ou tribulações que sobrevêm sobre todos, mas a alegria, nesse caso, consiste em permanecer em paz, sabendo que isso não nos afasta de Deus, e que Ele está ao nosso lado em toda e qualquer circunstância.
Paulo disse: "alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez vos digo: alegrai-vos" (Fp 4:4). E olhe que quando Paulo escreveu isto ele estava sofrendo, preso, passando privações, com açoites, e tudo injustamente. Mas ele se alegrava no Senhor.

3) Reconhece que Deus é Rei Soberano, justo e reto (v. 7-8)
O servo fiel reconhece que Deus é o Rei, que está em Seu trono assentado, tem o domínio sobre tudo e sobre todos, nada lhe escapa ao conhecimento. Reconhece que Deus é justo e reto, e retribui a cada um segundo as suas obras. Como Paulo escreveu na carta aos gálatas, "aquilo que o homem semear, isso também ceifará" (Gl 6:7).
Deus é reto, nEle não se acha desvio, Ele não aceita suborno nem barganhas, seu caráter não muda, Ele abomina a utilização de dois pesos e duas medidas.
A justiça, aplicada aos pecadores, resulta na condenação, todavia, aos que estão em Cristo Jesus, Ele mesmo se fez justiça por nós. Portanto, o castigo que seria nosso foi suportado por Jesus. Ele foi alvo da justiça de Deus, a punição pelos pecados do mundo. NEle fomos justificados. Todavia, suportamos as consequências de nossos atos, colhemos o que plantamos.
Tudo isso leva a manifestarmos o temor do Senhor, que não é pavor, mas sim respeito e reverência, reconhecimento de que Ele é Deus, e nós nada somos em comparação com Ele.

4) Tem Deus como seu refúgio (v. 9)
O servo fiel sabe que Deus é o seu único refúgio. Não é possível confiar em homens, em riquezas, em força física, em poder econômico e social, pois tudo isso é palha, passa rapidamente. Somente Deus prevalece e vive eternamente. Somente Deus pode verdadeiramente livrar de aflições, perigos, do inferno. Quando vêm os problemas, o servo fiel corre para Deus, que pode lhe mostra a melhor saída quando tudo parece perdido. Quando vem o medo, o servo fiel busca em Deus a força para enfrentar o que vem pela frente. Davi tinha razões para ter medo, pois era perseguido por inimigos, até seu próprio filho se tornou seu perseguidor, ele enfrentava exércitos poderosos que batalhavam contra Israel. Entretanto, Davi sabia que somente Deus tinha poder para livrá-lo dos inimigos e para lhe conceder que derrotasse os exércitos, ainda que estes fossem muito mais numerosos e fortes.
Davi derrubou o gigante Golias porque confiou em Deus. Podemos derrotas muitos gigantes se confiarmos em Deus, nosso refúgio e fortaleza.

5) Conhece a Deus, busca Sua presença e nEle confia (v. 10)
O servo fiel é conhecido por Deus, e O conhece cada dia mais através da busca de Sua presença, por meio da oração, da meditação na Sua Palavra e da prática do amor a Deus e ao próximo. Quanto mais ele busca ao Senhor, mais O conhece, e quanto mais O conhece, mais confia nEle. Não há conhecimento sem intimidade, sem diálogo, sem dedicação de tempo. O filho confia no pai porque o conhece e sabe que pode contar com ele. Hoje muitos filhos não compartilham os problemas com os pais, porque não há diálogo, não há espaço para conhecimento mútuo. Mas com Deus há necessidade de que estejamos dispostos a buscar a Sua presença, deixar que Ele se revele a nós dia após dia. Com isto, cresce a confiança nEle, pois vamos tendo a certeza cada vez maior de que Ele é fiel e nunca falhará, antes, Ele cuida de nós como ninguém seria capaz.

CONSEQUÊNCIAS DE SER UM SERVO FIEL

O Salmo apresenta, além das marcas de um servo fiel, as consequências de viver dessa forma.

1) Deus concede vitória sobre os inimigos (v. 3; 6; 15)
Deus sabe como agir em favor de Seus filhos, e os livra em meio a tempestades. Inimigos espreitam os filhos do Senhor, mas eles obtém de Deus o livramento. Os maiores inimigos do cristão são: diabo, carne (natureza pecaminosa) e o mundo (sistema que se opõe a Deus). O diabo foi vencido por Cristo na cruz, e com a vitória de Cristo nós obtemos vitória diária sobre as investidas do maligno. A carne tem inclinação ao pecado, mas em Cristo vencemos as tentações e somos dirigidos pelo Espírito Santo. O mundo não consegue influenciar os que servem a Deus com fidelidade, por isso o mundo odeia os que andam com Cristo, e os persegue. Em tudo Deus nos concede a vitória, embora tenhamos que pelejar, mas a nossa principal arma é a fé em Deus. "Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé" (1 Jo 5:4)

2) Deus sustenta, ampara (v. 4; 10; 18)
O mundo é injusto, os homens são cruéis e querem distorcer o direito, mas Deus defende a causa do justo. Deus não se alegra com a inujutiça, odeia ver a mentira prevalecer, e Seus filhos contam com o Seu poder e Sua soberania para verem a verdade emergir sobre as trevas.
O servo fiel não é desamparado, Deus é com ele em todos os momentos. O servo fiel tem em Deus o amparo para todas as horas, não lhe faltará o pão nem o essencial à sua vida.
Caluniadores observam perplexos como Deus faz justiça aos Seus filhos, e como faz com que os injustos pereçam, caindo em suas próprias armadilhas.

3) Deus age com misericórdia (v. 13-14)
Os filhos de Deus não são perfeitos, como não perfeito o rei Davi. Eles pecam, tropeçam, possuem muitos defeitos. Mas sabem que podem contar com a misericórdia de Deus, que tem prazer em perdoar e restaurar o filho arrependido. O coração de Deus se compadece do sofrimento de um filho. A misericórdia do Senhor está sobre os que O temem e guardam os Seus preceitos, que não buscam os caminhos da perdição, antes, têm prazer em buscar a presença de Deus.


Analise o Salmo 9 e as lições acima expostas, e você concluirá que vale a pena ser um servo fiel a Deus. Deixe sua vida nas mãos dEle, pois Ele cuidará dela muito melhor do que você mesmo ou qualquer outra pessoa.

Que YAHWEH encha seu coração de alegria e de vontade de estar na presença dEle, em Cristo Jesus.

José Vicente
Mensagem ministrada no culto jovem de 14.11.2009, e no Grupo Familiar Emanuel em 17.11.2009.

7 comentários:

  1. Muito Bom !
    Tinha lido os versículos 09 e 10 do capítulo 09, e tava precisando de uma explicação...
    Pois sou nova convertida e procuro entender melhor sobre Deus para que assim minha fé só aumente !
    Fique na paz do SENHOR :)

    De: Evelly Mayana .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou passando por dúvidas e buscando fé para a minha vida.O salmo 9 é inspirador.

      Excluir
  2. Um grande amigo me indicou a leitura diária desse Salmo e agradeço muito a Deus primeiramente e em segundo a esse maravilhoso amigo, pois a partir da leitura diária desse Salmo, muito tem se alegrado a minha alma!. Obrigada, Meu Grande Deus!!!
    Elenice Silva

    ResponderExcluir
  3. Como seria bom se conseguisimos por em pratica estas liçoes,sei que muitos acham dificil mas e´so começar nao tentem fazer tudo de uma vez so nao se importem se errarem recomecem um dia vamos conseguir esta foi a liçao que tirei.

    ResponderExcluir
  4. Uma grande bênção esta palavra Deus o abençoe sempre.

    ResponderExcluir
  5. Sua explicação é uma bênção que Deus continue te usando cada vez mais...

    ResponderExcluir
  6. Ótima explanação do salmo 9.Muito edificante.

    ResponderExcluir